DIGITE SEU EMAIL E RECEBA NOTÍCIAS
     
 
Aimorés, MG - Brasil | 27/07/2017 - Boa tarde!  
   

Busca:

MEIO AMBIENTE
Instituto Terra conclui a proteção de mais 511 nascentes do Rio Doce
Autor: Comunicação - 03/03/2017

 

A partir de parceria com a Fundação Renova, 217 produtores rurais foram beneficiados nas bacias do rio Suaçuí Grande, em Minas Gerais, e dos rios Pancas e Santa Maria do Doce, no Espírito Santo



O Instituto Terra concluiu em fevereiro a proteção de 511 nascentes de afluentes da Bacia Hidrográfica do Rio Doce, a partir de uma parceria com a Fundação Renova. O trabalho contempla as bacias dos rios Pancas (envolvendo os municípios de Pancas, Governador Lindenberg, Marilândia e Colatina) e Santa Maria do Doce (em Colatina), do lado do Espírito Santo, e bacia do rio Suaçuí Grande (nos municípios Itambacuri, Frei Inocêncio, Jampruca e Campanário), do lado de Minas Gerais. Trata-se de mais um passo dentro do objetivo de promover a revitalização dos recursos hídricos na região.

A escolha das áreas prioritárias contou com a participação dos Comitês de Bacia envolvidos e lideranças das comunidades locais. Ao todo, 217 produtores rurais foram atendidos com o cercamento dos olhos d'agua em suas propriedades. Utilizando parte da metodologia do Programa Olhos D'Água do Instituto Terra, o projeto desenvolvido com o patrocínio da Fundação Renova tem como próximos passos a implantação de uma fossa séptica por unidades rural ate o proximo mês de agosto, bem como realização de plantios com mudas de espécies de Mata atlântica na área de entorno das nascentes na próxima estação chuvosa (entre novembro de 2017 e janeiro de 2018).

A Fundação Renova assumiu o compromisso de recuperar 5.000 nascentes na área da Bacia Hidrográfica do Rio Doce dentro do Termo de Transação de Ajustamento de Conduta (TTAC) assinado pela Samarco Mineração, com o apoio de suas acionistas, Vale e BHP Billiton, e Governos Federal e Estaduais do Espírito Santo e Minas Gerais, e outros órgãos governamentais. O Termo define as ações de reparação, restauração e reconstrução das comunidades impactadas pelo rompimento da barragem de Fundão. A proteção de 500 nascentes até fevereiro de 2017 - cujas ações foram executadas pelo Instituto Terra - atende ao primeiro ano de recuperação solicitado no TTAC.

 

 
 


Todos os direitos reservados
www.institutoterra.org